Como fazer um diagnóstico inicial...  escrito em quarta 09 março 2011 17:59

aprender, atividades, Investigar, planejar

 

Dalva Dias - Pedagoga

Especialista em Gestão Escolar e Psicopedagogia

            No início do ano é fundamental que se faça uma sondagem do que os alunos conhecem. Além de reconhecer os rostos e gravar os nomes, o mais importante é investigar o que cada aluno sabe para planejar o que todos devem aprender. É o chamado diagnóstico inicial, ou sondagem das aprendizagens, uma das atividades mais importantes no diálogo entre o ensino e a aprendizagem. É importante saber o nível de aprendizagem que se encontra o aluno, o que ele já conhece sobre determinado assunto, para depois planejar atividades que venham melhorar seu desempenho. Jussara Hoffmann, afirma: "É preciso conhecer os alunos para não repetir conceitos nem propor tarefas além do que a garotada é capaz de compreender".

            Daí a importância da avaliação inicial, segundo ela "esse olhar é imprescindível para construir uma visão detalhada de cada estudante e, com isso, poder planejar as aulas com base nas reais necessidades de aprendizagem do grupo". O bom diagnóstico não tem por objetivo contabilizar os erros ou classificar (e rotular) os alunos. Ele objetiva enxergar problemas semelhantes que permitam direcionar o planejamento das atividades, ou seja, é entender as principais necessidades da turma para orientar as formas de ensinar.

            ‘Por isso, não é qualquer atividade que serve para a realização de um bom diagnóstico. Os especialistas apontam que só as situações-problema permitem que o aluno mobilize todo o conhecimento que tem sobre o assunto. Não basta apresentar uma questão e obter um sim ou um não como resposta. O importante é trabalhar e refletir sobre o problema para chegar à sua conclusão.

            Com as produções em mãos, é possível analisar o que cada um sabe e como representa isso no papel. A avaliação é o momento também de compreender a lógica empregada na resolução da tarefa. O produto final desse trabalho é uma espécie de mapa, com os conhecimentos da sala. Se ninguém conhece um conteúdo, ele deve ser trabalhado de forma prioritária. Se a maioria já resolve bem determinadas questões, a chave é pensar em formas de dar mais atenção aos que estão atrás.

            Esse tipo de sondagem é bem conhecido principalmente entre os alfabetizadores. Mas, nas outras áreas, essa atividade é ainda pouco difundida. O fato é que existem formas amplamente testadas e aprovadas de fazer diagnósticos precisos para muitos conteúdos de forma interdisciplinar - em Língua Portuguesa, para a produção de texto (você descobre o que a turma sabe em termos de ortografia, gramática e até organização textual), e em Matemática, no bloco de Números e Operações (para medir os conhecimentos sobre escrita numérica e no que diz respeito à resolução de problemas - sentenças matemáticas - dos campos aditivo e multiplicativo). Veja a seguir como realizar a avaliação diagnóstica utilizando conteúdos de Matemática para as séries iniciais:

1. Escrita de números - você descobre o que os alunos sabem a respeito da numeração escrita, quais as hipóteses dos alunos a respeito das características do sistema de numeração (o que é decimal, com valor posicional) e quais números eles sabem grafar convencionalmente. Atividade a ser proposta - Ditado de números;

2. Campo aditivo - você verifica como os alunos interpretam os enunciados de problemas de adição e subtração e quais variáveis interferem no seu desempenho ao resolver problemas, além de perceber quais recursos eles utilizam para representar os cálculos e quais os procedimentos que dominam. Atividade a ser proposta - Resolução de problemas;

3. Campo Multiplicativo - verifica como os alunos resolvem problemas de multiplicação e divisão e quais variáveis interferem no desempenho deles ao resolver problemas desse tipo, os procedimentos usados na resolução de problemas e as formas utilizadas para registrar os cálculos. Atividade a ser proposta - Resolução de problemas.

Análise e registro dos resultados - 1. A proposta é interpretar as hipóteses dos alunos sobre a escrita de números. 2. Faça observações na própria folha do aluno, elas ajudam a organizar a tabulação. Anote as dúvidas e troque impressões com outros professores. 3. Analise cada produção, anotando ao lado suas impressões sobre como o aluno resolveu.

Compartilhar

Faça um comentário!

(Opcional)

(Opcional)

error

Importante: comentários racistas, insultas, etc. são proibidos nesse site.
Caso um usuário preste queixa, usaremos o seu endereço IP (54.227.62.141) para se identificar     


3 comentário(s)

  • Sônia Noéli mailto

    Qui 02 Jan 2014 18:05

    Excelente leitura. Nos faz refletir cada vez mais sobre as nossas ações enquanto profissionais da educação.

  • marcileide mailto

    Seg 18 Fev 2013 09:37

    gosto muito das dicas

  • GNM mailto

    Ter 10 Abr 2012 00:23

    MTO XXATTOO ;(


Abrir a barra
Fechar a barra

Precisa estar conectado para enviar uma mensagem para pedagogia

Precisa estar conectado para adicionar pedagogia para os seus amigos

 
Criar um blog